Disclamer

AtençãoTodos os textos escritos neste site foram escritos por uma pessoa que não sabe escrever (em vários aspectos e em um sentido bem amplo). Se você se ofende profundamente com erros de português e acha que falhas ortográficas e gramaticais são um atentado ao pudor, às boas maneiras e ao nosso meio de vida civilizatório, melhor você ler outra coisa. Deve ter bastante coisa bem escrita por ai na internet, você só precisa procurar com bastante afinco que você deve achar. Não perca as esperanças.

Peço perdão pela ofensa causada, não foi de propósito. Eu juro que me esforcei para entender o português correto, mas por pura incompetência não consegui. E incompetência não é crime (ainda). Ainda não desisti e continuo me esforçando. Mas se você leu qualquer coisa que eu já escrevi vai perceber que o esforço não está dando muito certo. 

Se dependesse de mim, eu enforcava o 'Ç' em praça pública e todo mundo escreveria 'S' com som de 'S' (e um só, para que dois?) e 'Z' com som de 'Z' e seriamos todos mais felizes. Tenho certeza de que o "Ç" foi inventado por alguém que não sabia se a palavra se escrevia com "C" ou com "S" e resolveu o problema colocando o "S" embaixo do "C" na dúvida. Ele queria dizer "não sei como se escreve, então eu coloco as duas letras e você escolhe a que gostar mais". Pode até ser que depois ele tentou padronizar tudo na esperança de escrevermos tudo sempre com "Ç" e acabar com essa confusão. Mas não deu certo porque hoje eu preciso saber se uma palavra que tem som de "S" se escreve é com "S", "C", "Ç" e as vezes até com "X".

Eu também colocaria assentos em todos os "e"s com som de "é" independente da palavra e de onde ele estivesse e ninguém nunca mais ia precisar saber se a palavra é oxítonaproparoxitonizada e também aquela outra que eu não me lembro. O mesmo vale para as outras vogais. Tem som aberto, coloca o assento, se não deixa sem. Só salvaria o "~" que eu acho simpático do jeito que está. 

E por que o porquê tem 4 versões diferentes? Eu não entendo e nunca vou entender porque precisamos de 4 versões escritas se falamos de uma forma só e nos entendemos bem. Por quê?

Tenho esperanças de que um dia, quando um ditador que, assim como eu, não souber escrever assumir o poder, isso mude. Vamos deixar de falar português e passar a falar brazileiro (sim com Z porque se fosse com S não teria o som certo) com uma ortografia nova e economizaríamos anos e anos de sofrimento escolar das crianças que poderão fazer coisas mais produtivas como jogar bolinha de papel uns nos outros. 

Eu sei que estou pagando mico escrevendo errado. É uma decisão consciente (se é que consciente se escreve assim). Mas entre pagar o mico de escrever errado e não escrever nada, eu preferi pagar o mico. Enquanto eu tiver micos em estoque, vou usando eles como forma de pagamento. Eu também sei que não estou contribuindo em nada para a literatura, dramaturgia ou coisa que o valha. 

Também sei que as vezes uso nos meus textos marcas registradas, nomes de empresas, pessoas conhecidas e tal. Bom, primeiro quero dizer que essas marcas, empresas e pessoas não tem absolutamente nada a ver com os meus textos. Muito, mais muito provavelmente mesmo, elas nem sabem que estes textos existem e definitivamente eles não expressão a opinião delas.

Veja, tudo isso aqui não passa de uma brincadeira com o seu cérebro. Eu escrevo estes contos simplesmente para que algumas ideias que me atormentam passe a atormentar os outros. Então, não leve a sério nada o que você ler aqui.

Desculpe.